#SextouUniBF com informações sobre a saúde da mulher

16/10/2020

Já estamos na segunda semana de outubro, e com isso, é comum vermos campanhas de conscientização acerca da saúde da mulher. É outubro rosa!

O mês de outubro é internacionalmente conhecido como um movimento de prevenção e combate às doenças que mais acometem a mulher, em especial o câncer de mama. No Brasil, essa luta existe desde 2002, e todas as esferas da sociedade costumam participar.

Quanto a isso, o Ministério da Saúde possui diretrizes específicas para o cuidado das mulheres, divididas em quatro seções principais:

  • Saúde sexual;
  • Saúde reprodutiva;
  • Enfrentamento à violência doméstica e à violência sexual;
  • Atenção ao câncer de mama e de colo do útero.

Dessa forma, os exames e procedimentos aplicados são mais acessíveis e incentivados durante esse mês, considerado o mês oficial para a realização do preventivo, por exemplo.

Porém, lembre-se que o cuidado com a saúde feminina não está restrito apenas a um mês, deve estar presente durante o ano todo! Por isso, se você é mulher, valorize-se todos os dias; e se você é homem, valorize as mulheres, seres tão fantásticos e que merecem um estilo de vida saudável e extremamente feliz!

No conteúdo desta semana, te explicaremos detalhadamente como funciona a saúde da mulher, e quais os cuidados que precisam ser tomados. Além disso, te daremos várias dicas legais e algumas sugestões. Acompanhe com a gente!

Curiosidades Curiosas para os Curiosos de Plantão

Apesar da luta e o combate – bastante fortes – durante o outubro rosa, nem todos sabem exatamente o que é e como se dá o desenvolvimento do câncer de mama. Sendo assim, responderemos alguns questionamentozinhos bastante comuns, e que podem ampliar o seu conhecimento sobre o assunto.

  • O que é o câncer de mama?

De modo geral, o câncer de mama é proveniente das alterações genéticas em algumas células, que danificadas, passam a se proliferarem e se espalharem, formando assim um tumor. Dos tumores, o câncer é desenvolvido na região mamária.

Na maioria dos casos – 90%, para sermos exatos – essas alterações no DNA ocorrem ao longo da vida, aleatoriamente ou por conta de hábitos que aumentam os riscos de aparecimento de tumor. Em relação aos outros 10%, as modificações genéticas se dão por hereditariedade.

  • Quais são os sintomas?

Dentre os principais sintomas do câncer de mama, estão:

  1. Edema cutâneo (inchaço na pele);
  2. Dor;
  3. Inversão do mamilo;
  4. Hiperemia (aumento da quantidade de sangue circulante em determinada região do corpo);
  5. Descamação do mamilo;
  6. Secreção.

Apesar de bastante característicos do câncer, esses sintomas podem ser de doenças benignas na mama. Em todos os casos, é ideal procurar auxílio médico profissional, para o diagnóstico correto.

  • Como prevenir?

Quanto à prevenção do câncer de mama, existem alguns cuidados essenciais, que devem ser realizados rotineiramente. São eles:

  • Zelo por uma boa alimentação;
  • Atividades físicas frequentes;
  • Mamografia anual;
  • Realização do autoexame.

O autoexame é um requisito obrigatório, e você mulher, não pode deixar de realizá-lo. Deixaremos aqui um breve vídeo explicativo, para que você aprenda a fazê-lo adequadamente!

Luz, Câmera, Ação!

Para o nosso momento cinema da semana, separamos uma recomendação para pegar os lencinhos, agarrar o balde de pipoca, chamar as amigas e já emendar em uma festa de pijama!

Assista a:

Capa do filme 'Já estou com saudades'

Já estou com saudades (2015)

Dirigido por Catherine Hardwicke e protagonizado por Drew Barrymore e Toni Collette, o filme aborda justamente a questão central do nosso conteúdo da semana: o câncer de mama.

A história se desenvolve a partir do momento em que Milly descobre estar portando o câncer, e por causa disso, precisa passar por quimioterapia. Sua melhor amiga de infância, Jess, que a recém conseguir realizar o sonho de engravidar, precisa dar o maior apoio possível para Milly, que está lutando com muita força.

O filme aborda questões como a amizade, fidelidade, amor, força e muita, mas muita superação.

Um grande destaque é o aprofundamento no universo feminino, as questões vivenciadas apenas por mulheres, as lutas que apenas o público feminino enfrenta. Não é a toa que tanto a direção quanto a criação do roteiro foram desenvolvidos por mulheres!

O longa metragem vai te fazer se emocionar, refletir, e com certeza tirar boas lições sobre essa doença que merece atenção e muito cuidado.

Para finalizar nossa querida sessão de filminhos, que tal uma frase que reflete exatamente a identidade do filme?

“Eu olhei para você e fiz uma promessa. Jurei que, não importa o que acontecesse, eu iria sempre cuidar de você.” Amizades são para sempre, na saúde e na doença! Mulheres ajudam umas às outras, e lutam umas pelas outras!

Versos e Ensaios

Lembra que, no início desse texto, explanamos sobre os quatro pilares da saúde da mulher? É com base nisso que nossas sugestões literárias serão dadas essa semana!

Você precisa saber que a saúde da mulher não se restringe apenas ao câncer de mama ou de colo do útero, nem mesmo às outras doenças que acometem o público feminino. Pelo contrário, a saúde das mulheres é o zelo por todas as esferas da vida delas, o cuidado com a qualidade de vida de cada uma delas – e isso envolve a saúde mental e emocional também!

Para te proporcionar um entendimento aprofundado sobre todos os lados dessa “saúde da mulher”, cada dica terá uma temática e um foco diferentes. Vem com a gente!

#1 Sobre a saúde física feminina

Leia: “Cuidado Integral à Saúde da Mulher” – Amanda Caroline Sartori e contribuidoras.

O livro foi publicado em 2019, e tem a participação de diversas profissionais da área, como enfermeiras, médicas obstetras, mestres em saúde coletiva e especialistas em promoção da saúde.

Entre as páginas e no decorrer dos capítulos, as especialistas da saúde abordam temas como a política nacional de atenção integral à saúde da mulher, anatomia do aparelho reprodutor feminino, prevenção do câncer e métodos de tratamento.

O livro possui uma linguagem bastante didática e traz conhecimentos bem aprofundados para quem deseja aprender mais sobre a saúde feminina, do ponto de vista biológico.

Esse livro está disponível em nossa biblioteca virtual, corre para começar a ler agora mesmo!

#2 Sobre a valorização e o cuidado emocional da mulher

Nossa outra recomendação é da fabulosa filósofa feminista, que mudou o rumo literário.

Imagem livro 'O segundo sexo'

Leia: “O Segundo Sexo” – Simone de Beauvoir.

O livro escrito em 1949 é uma manifestação bastante empoderada sobre a posição da mulher na sociedade.

Simone desenvolve – de uma forma bastante densa e honesta – a opressão masculina no decorrer da história, e aborda questões que foram muito polêmicas para a época, inclusive tornando o livro uma “leitura proibida” no período em que foi lançado.

A proposição da precursora do feminismo é a liberdade feminina, visto que se deve ser mulher sem medo, sem receio, e ter o máximo de bem estar em sua vida. Sem dúvidas, esse livro valoriza as mulheres e faz os leitores refletirem sobre a importância dos direitos femininos, bem como a qualidade de vida e a visão social.

Reafirmamos algo que é um fato, e deve ser espalhado: Mulheres são fortes, mulheres podem e merecem todos os cuidados do mundo!

Que nesse outubro rosa, todos possamos lutar pela saúde feminina, não apenas física, mas em todas as esferas possíveis! Contamos com você nessa luta!

Seminário Digital da Saúde da Mulher

E falando sobre o tema da Saúde da Mulher, a Faculdade UniBF realizará o Seminário Digital focado nesse tema, que acontecerá nos dias 27 e 28 de outubro. O evento será on-line, gratuito e aberto à comunidade!

Serão 6 webinars sobre o tema durante os 2 dias de evento. Os inscritos que indicarem amigos para participarem do seminário ganharão prêmios especiais.

Para participar basta fazer a sua inscrição e acompanhar o seu e-mail, onde será enviado a confirmação da sua participação e os links para você acompanhar as palestras online.

Afinal,

Se Simone de Beauvoir estivesse aqui, ela diria que…

“Isso é o que caracteriza fundamentalmente a mulher: ela é o Outro dentro de uma totalidade cujos dois termos são necessários um ao outro.”

icon icon icon icon

Nossos contatos

E-mail
icone contato@unibf.com.br

Cadastre seu e-mail

Esta página faz uso de cookies para melhorar o seu desempenho e funcionamento do nosso site. Utilizando os cookies, estamos coletando e armazenando temporariamente alguns dados pessoais. Para mais informações, disponibilizamos nossa Política de Privacidade e Termo de Uso.